Projeto ‘Rasteira na Fome’ ensina capoeira

Idealizada pelo capoeirista Cabeça (Fabiano Silveira Silva), a oficina Rasteira na Fome busca realizar um resgate e valorização da Cultura Afro-brasileira, com aulas de capoeira com o mestre Fernando Campiol Placedino, dia 20 de janeiro, às 10 horas.

Além de ser uma iniciativa de preservação cultural, a solidariedade também é um aspecto importante, já que visa arrecadar alimentos não-perecíveis, assim como criar espaço para discussões quanto à questão da fome no Brasil.

O Projeto já mobilizou cerca de 45 mil pessoas e arrecadou ao longo das edições ocorridas mais de 90 toneladas de alimentos, beneficiando diretamente cerca de 50 instituições de apoio a pessoas carentes e 25 comunidades. Aliado a isso é importante destacar que durante as edições anteriores, o Rasteira na Fome contou com a participação e colaboração de professores e mestres de Capoeira de diversos Estados do Brasil e do exterior. Também, o Evento já levou ao palco dos seus shows de encerramento bandas e músicos conceituados em âmbito nacional, bem como contou com parcerias tanto do setor público quanto privado para efetivar tal ação transformadora e de muito gingado.

Contato: tropecomuzeza@yahoo.com.br
https://www.facebook.com/tropeco.muzenza
(51)32731032 ou (51)82321755

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + 1 =